Blockchain Federal Inovação Cursos

Ignorar a importância da tecnologia ‘blockchain’ seria equivalente a desconsiderar o papel da internet nos negócios e na vidas das pessoas. Esta tecnologia já está causando transformações em vários setores como o financeiro, governamental, entre outros. Certamente impactará o negócio dos advogados nos próximos anos, uma vez que estamos nos aproximando do período em que ocorrerá a adoção em massa desta tecnologia disruptora e ainda pouco compreendida.

Poucas pessoas entendem o funcionamento da internet, porém, é inegável sua importância. O mesmo vale para o ‘blockchain’, porém, com uma diferença. Atualmente, estamos em um momento em que essa tecnologia está evoluindo e, consequentemente, há muito espaço para inovar e desenvolver produtos e serviços disruptores em praticamente todos os negócios em que haja um ou mais intermediários entre os clientes e os provedores de serviços\produtos. Esta é a primeira razão pela qual os advogados deveriam aprender sobre a tecnologia ‘blockchain’: alto potencial para inovação nos produtos e serviços a seus clientes.

Centros de pesquisas de excelência em direito como os da Universidade de Stanford, Universidade de Harvard, Universidade de Georgetown estão avaliando as oportunidades que a tecnologia ‘blockchain’ oferece para resolver problemas relativos, por exemplo, à simplificação de contratos e uso de ‘smart contracts’ nas transações comerciais privadas e governamentais. Tais centros de pesquisa e inovação estão cientes da importância desta tecnologia para o desenvolvimento de produtos e serviços a seus clientes, principalmente, os da geração milenium.

A geração milenium (pessoas nascidas no período entre 1980 e 1990) é uma das mais adepta e incentivadora do uso desta tecnologia, e, além disso, é a uma força motora considerável na economia de muitos países industrializados e dos BRICs. Os advogados que conhecerem sobre a tecnologia ‘blockchain’ poderão atender melhor tais clientes, caso contrário, correm o risco de serem substituídos por outros. Essa é a segunda razão: sobrevivência no mercado.

O terceiro motivo está relacionado aos ‘smart contracts’. Os ‘smart contracts’ não irão substituir o papel dos advogados. Ao contrário, para o desenvolvimento de aplicações mais amigáveis ao usuário final, é essencial que os advogados contribuam ativamente no seu delineamento, criação, assim como, atualização dos mesmos. Neste sentido, é necessário que os profissionais da área de direito sejam versáteis intelectualmente para dialogar com profissionais de áreas como ciência da computação, a fim de contribuírem para o desenvolvimento e a implementação dos ‘smart contracts’.

Aprender sobre a tecnologia ‘blockchain’ nunca foi fácil até agora. Acompanho a evolução desta tecnologia desde o seu surgimento em 2008. Entende-la foi mais difícil do que usa-la. A curva de aprendizagem foi árdua, pois, não havia cursos sobre o tema. Os poucos que surgiram eram destinados a desenvolvedores de ‘software’ e não para profissionais que simplesmente queriam entender o que é essa tecnologia, como usa-la da melhor maneira possível.

Visando reduzir a curva de aprendizagem sobre esta tecnologia, em parceria com a Federal Inovação, criamos o primeiro curso no Brasil, destinado aos profissionais da área de direito: ‘Blockchain e Smart Contracts para Advogados’. Este curso cobrirá todos os detalhes que são imprescindíveis ao entendimento e uso da tecnologia ‘blockchain’ na área de direito. Para mais informações: www.federalinovacao.com.br

Prof. Dr. Ranulfo Paiva Sobrinho

PhD em Economia, Expert em tecnologia ‘blockchain’

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here